Cabelos loiros: dicas e cuidados

Manter as madeixas loiras não é das tarefas mais fáceis, são muitos pequenos problemas associados à manutenção do cabelo loiro. Desde as cores indesejáveis, como o laranja e o esverdeado, resultado de uma coloração mal feita, ao ressecamento atrelado ao uso de muita química e descolorantes.

No quesito cores indesejáveis, se o problema for o tom alaranjado o balanceamento pode ser obtido tingindo o cabelo com uma cor mais fria, como os loiros acinzentados.

Se você acabou de tingir o cabelo e não quer encarar de novo uma tintura, use um shampoo especial para compensar as cores. Existem vários produtos no mercado, entre eles Keune Silver Reflex shampoo, Shampoo Silver Gloss Protect System  da L’Oréal, C..Kamura silver anti-age. Esses produtos são indicados usar uma vez por semana, por terem uma química que pode ressecar o cabelo.

Outro cuidado que as loiras devem ter é com a hidratação semanal, tudo isso para evitar cabelos quebradiços, porosos e sem brilho. Para o pós-lavagem a dica é não esfregar as pontas do cabelo com a toalha, apenas aperte para tirar o excesso de água. Com esse cuidado você evita abrir a cutícula, que faz o cabelo se tornar poroso e sem brilho. De qualquer maneira existem produtos que são ótimos para selar as pontas são John Frieda Luminous Color Glaze e Oscar Blandi Luce Sheer Gloss.

Para o cuidado diário utilize shampoos e condicionadores próprios para o cabelo loiro, que normalmente facilitam a hidratação e a permanência da cor. Pronto, com esses cuidados você já pode desfilar seu cabelo loiro sem medo de parecer mal cuidado.

Anúncios
Publicado em Uncategorized | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Havaianas 50 anos

A marca mais conhecida do Brasil faz 50 anos, isso mesmo a primeira Havaianas surgiu em 1962.  A inspiração para a criação da sandália foi um modelo japonês chamado Zori, que era feita com o solado de palha de arroz e tiras de tecido. Por isso, a textura que compõem a palmilha foi inspirada nos grãos de arroz. Uma justa e sacada homenagem.

No começo era considerado um chinelo para a classe baixa. Foram quase 20 anos do modelo famoso azul de sola branca, o clássico que não era uma unanimidade do gosto brasileiro. Apesar de ser direcionado inicialmente para a classe mais baixa, a preocupação com o marketing foi um dos diferenciais da marca. Quem esquece o slogan Havaianas: As legítimas ou ainda, Não deformam, não soltam as tiras e não tem cheiro ou a mais recente Havaianas: Todo mundo usa . 

As vendas haviam caído, e aproveitando uma moda que começou nos anos 90 de virar o solado, em 1994 à marca estabelece o ano da virada. Uma grande ação foi realizada de novas estratégias de marketing, mudanças de assessoria de imprensa até pesquisas diretas com o consumidor, tudo para recolocar e reposicionar a marca no mercado.

O resultado foi a criação das Havaianas top, que são os modelos de uma única cor, baseado no desejo do consumidor de ter um chinelo com a palmilha colorida. A partir daí, foi atiçado nosso o desejo de ter uma Havaiana de cada cor.

A marca não parou mais de criar e a cada modelo que surge o desejo de ter a coleção inteira é enorme. Renata Gomes, diretora criativa da Skinbiquini que nos diga, ela tem uma coleção de mais de 100 pares de Havainas.

Não demorou muito o mundo inteiro passou a desejar e comprar as sandálias de borracha. E para celebrar os 50 anos do chinelo mais vendido no mundo será lançado um par comemorativo, um pé baseado no modelo clássico e o outro no modelo da virada(Havaianas Top). Já estamos desejando este modelo também….

Publicado em Uncategorized | 1 Comentário

Skinbiquini na passarela da Make B – Boticario SPFW Verão 2013

Skinbiquini na passarela da Make B -  Boticario SPFW Verão 2013

Imagem | Publicado em por | Deixe um comentário

Lulu Guinness

Lulu Guinness a cada dia tem colocado seu nome e seus produtos, como referência de moda britânica.  A fascinação de Lulu por lábios, e a transformação desses em produtos não é nenhuma novidade. Salvador Dali (de novo ele) nos seus devaneios artísticos, em 1937, criou um sofá boca inspirado na pintura ”O Rosto de Mae West”. Depois disso em 1970, o Studio 65 redesenhou o móvel, mas desta vez, utilizando os lábios de Marylin Monroe como referência.

Lulu aproveitando sua paixão por bocas criou a sua versão em forma de clutch. A marca existe desde 1989 e logo as bolsas viraram coqueluche entre os aficionados por moda. Tendo começado suas produções apenas com bolsas, hoje a marca Lulu Guinness inclui uma gama de acessórios e uma infinidade de parcerias que “popularizaram” a marca.

 Porém, uma marca não se torna referência à toa, além de ter que ter um diferencial, o que está por trás desse sucesso é a própria personalidade de Lulu. Ela nasceu para ser diferente, desde a forma como se veste ao seu gosto peculiar pela moda dos anos 50, que são diretamente refletidos em suas criações.

Dentro os artistas que inspiram Lulu estão Andy Warhol, ligado a pop art e a crítica e popularização de bens de consumo. Outra inspiração é a estilista Elsa Schiaparelli que atrelava a sua moda a arte surrealista, e tem trabalhos em colaboração com Dali.

A ligação de Lulu com a arte do design lhe rendeu em 2009, o prêmio The Independent Handbag Designer Awards. Além disso, obteve o reconhecimento Real (Order of the British Empire) por sua contribuição à moda britânica.

 

Seu prestígio não para por aí, duas de suas criações Florist Basket e Violet Hanging Basket pertencem à coleção permanente de moda Victoria and Albert Museum em Londres. Comparada a uma versão inglesa de Betsey Johnson, Lulu está cada vez caindo no gosto de muitos e virando queridinha entre celebrities. É só conferir.

Publicado em Uncategorized | 1 Comentário

Damien Hirst

Polêmica, morte, vida, asco, valores, capitalização, marketing todas essas palavras combinadas, ou não, podem definir as obras do artista Damien Hirst. Por muitos visto como um grande e genial contestador da realidade, por outros (os críticos especificamente) como um marketeiro. O fato é que poucos artistas, em vida, tiveram as suas obras elevadas a valores tão astronômicos quanto Hirst. E, ainda de quebra expostas em forma de retrospectiva no Tate Modern, em Londres.

Damien possui particularidades: pense no impacto de um artista com retrospectiva, em vida. Sem esquecer ainda de descartar a alta valorização de suas obras. Feitos alcançados anteriormente por Salvador Dali, que também possuía essa relação belicosa com questões éticas e o valor agregado a sua arte.

Para acompanhar e entendermos um pouco a ideia desta retrospectiva, uma das temáticas que Damien evoca é a morte, ligada à relação efêmera do ser humano e da vida. Por isso, suas obras giram em torno dessas analogias provocativas da fragilidade da vida e da arte.

As relações de morte-  presentes em obras como em  “For the Love of God”  que é um crânio humano, autêntico, coberto com 8.601 de diamantes.

As relações de vida- Pharmacy  é uma das obras que estão nessa retrospectiva em Londres. A instalação é formada por  diversas prateleiras com caixas e comprimidos coloridos e fazem alusão à crença que a arte, assim como os remédios, curam.

As relações de efemeridade– A morte é o conceito que salta nas obras de Hirst, com isso a aparecem a relação com o efêmero e a debilidade da vida. Algumas das obras escolhidas para a retrospectiva tiveram a necessidade de ser refeitas porque eram perecíveis.

As obras que tem uma curta duração, como por exemplo: “A thousand years” com um  eletrocutor de insetos, que mata as moscas após se alimentarem da vaca ensanguentada.

E, também a obra “In and Out of Love”, nesta instalação o público passa por uma sala de borboletas vivas, mostrando as fases de incubação até o nascimento e morte.

Conceitual demais? Talvez. Porém, Damien naturaliza em forma de arte, a relação humana com a morte, que apesar de ser um processo natural da vida, ainda é um tabu.

Por Carol Romano para Skinbiquini
Publicado em Uncategorized | 2 Comentários

Dia do abraço

Dia do abraço

Imagem | Publicado em por | Deixe um comentário

Fashion Crib

Fashion Crib

Imagem | Publicado em por | Deixe um comentário

Calças estampadas

Calças estampadas

Imagem | Publicado em por | Deixe um comentário

Skinbiquini #pulseirismo #WeWood

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Calça de onça Skinbiquini

Calça de onça Skinbiquini

Imagem | Publicado em por | 1 Comentário